Blog da Univittá

Saiba como aumentar a resistência e a qualidade de vida do seu animal.

Saiba como aumentar a resistência e a qualidade de vida do seu animal.

Atualmente, os benefícios da levedura viva Saccharomyces cerevisiae são reconhecidos mundialmente, apoiados por resultados de pesquisas realizadas em instituições de renome internacional. Sabe-se que essas leveduras são usadas para estimular enzimas digestivas e tentar estabelecer um equilíbrio desejável dos microorganismos intestinais.

Modo de ação:

  • - Diminuição da contagem de bactérias patogênicas gerada pela produção de componentes antibacterianos, competição por nutrientes e competição por sítios de ligação;
  • - Alteração do metabolismo microbiano, pelo aumento ou queda da atividade enzimática;
  • - Proporciona maior imunidade pelo aumento do nível de anticorpos ou da atividade macrófaga.  

A suplementação com levedura viva (S. cerevisae) aumenta a concentração de células vivas viáveis no ceco e cólon quando trabalhado com a suplementação mínima de 100 bilhões de UFC/dia. A suplementação modifica o pH e as concentrações do ácido lático e amônia.  Analisando a influência da cultura de S. cerevisae na digestibilidade e na taxa de passagem de alimentos em cavalos alimentados com concentrado e volumoso em proporções iguais, estudos concluem que a suplementação com levedura melhora a digestibilidade e consequentemente a conversão alimentar.

Com isso, a suplementação dos equinos resulta em uma melhor condição corporal, além de otimizar processos tanto produtivos quanto reprodutivos , e redução dos transtornos metabólicos como cólicas e laminítes (Medina et al., 2002).

Benefícios:

  • - Protege a saúde intestinal contra a invasão e colonização dos patógenos, reduzindo significativamente problemas de diarréia (Rueda, 2000);
  • - O uso dessas leveduras leva a manutenção da saúde pelo fortalecimento do sistema imunológico (Luzio, 1979);
  • - Melhora os níveis de hemoglobina e hematócrito através do estimulo a síntese de vitaminas do complexo B (Campbell, 1989; Lesaffre, 2000);
  • - Aumenta a conversão alimentar, que por sua vez, melhora o condicionamento para executar tarefas de trabalho com menos fadiga, mostrando maior vitalidade, força e resistência (Leon 2001);
  • - Diminuição em até 20% da frequência cardíaca e respiratória antes e após o exercício (Campbell, 1989; Leon 2001);
  • - Depois da sexta semana de consumo foram encontrados níveis menores de lactato plasmático após o exercício (Campbell, 1989);
  • - Aumenta os níveis de triglicerídeos e glicerol plasmático que estão associados a um aumento de ácidos graxos livres no plasma, mostrando que as leveduras promovem a utilização de gordura corporal o que proporciona aos animais um maior desempenho atlético (Kolterman, 1993).
Saiba onde comprar produtos Univittá:
Encontre o revendedor mais próximo.
Compartilhe este post:

Postado Por: Allan Rômulo

Allan Rômulo
Medico Veterinário, empresário fundador da Univittá Saúde Animal, pós graduado em administração de empresas pela FGV. Formulador e desenvolvedor de tecnologias para nutrição animal, com experiência em marketing veterinário e venda de produtos de conceito.

Leia Também:

Gostou deste post? Deixe seu comentário