Blog da Univittá

Qual a diferença do colágeno hidrolisado e do colágeno desnaturado?

Qual a diferença do colágeno hidrolisado e do colágeno desnaturado?

A maioria das proteínas podem ser desnaturadas (processo de quebra da proteína em peptídeos) pelo calor, que afeta as interações fracas em uma proteína (principalmente as ligações de hidrogênio) de forma complexa. Se a temperatura se eleva lentamente, uma conformação proteica geralmente permanece intacta até que haja uma perda abrupta de estrutura em uma faixa estreita de temperaturas. Essa alteração repentina sugere que o desenovelamento é um processo cooperativo: a perda de estrutura em uma parte da proteína desestabiliza outras partes.

Entretanto, as proteínas podem ser desnaturadas não apenas pelo calor, mas por extremos de pH, por certos solventes orgânicos miscíveis com a água, como o álcool ou a acetona, por certos solutos como uréia e cloridrato de guanidínio, por detergentes ou enzimas. Cada um desses agentes desnaturantes representa um tratamento relativamente brando e tecnificado no sentido de que nenhuma ligação covalente na cadeia polipeptídica é rompida.

As enzimas, os solventes orgânicos, a uréia e os detergentes atuam principalmente promovendo o rompimento das interações hidrofóbicas que estabilizam as proteínas globulares. Os extremos de pH alteram a carga líquida da proteína, provocando repulsão eletrostática e rompimento de algumas ligações de hidrogênio. Os estados desnaturados obtidos por esses diversos tratamentos não são necessariamente equivalentes.

Algumas proteínas desnaturadas podem se renaturar espontaneamente para formar uma proteína biologicamente ativa.

Para evitar a perda da atividade biológica e assegurar a eficácia, o COLÁGENO Univittá é produzido usando um processo muito específico e altamente sensível, que testa a presença de epítopos no colágeno não desnaturado. Outras formas de colágeno tipo II vendidos como suplementos alimentares são desnaturados. A sua configuração molecular foi alterada, quer através da química ou de alta temperatura de processamento. Não existem estudos na literatura científica mostrando que colágeno tipo II desnaturado (mesmo que extraído de frango) fornece benefício significante para saúde das articulações. Há, no entanto, um estudo que relata que “colágeno tipo II desnaturado não tem nenhum efeito significativo sobre a incidência e gravidade da doença (artrite)".

Saiba onde comprar produtos Univittá:
Encontre o revendedor mais próximo.
Compartilhe este post:

Postado Por: Allan Rômulo

Allan Rômulo
Medico Veterinário, empresário fundador da Univittá Saúde Animal, pós graduado em administração de empresas pela FGV. Formulador e desenvolvedor de tecnologias para nutrição animal, com experiência em marketing veterinário e venda de produtos de conceito.

Leia Também:

Gostou deste post? Deixe seu comentário